Entenda agora o que é nota fiscal de entrada!

Para que uma empresa esteja em dia com o fisco, é necessário que ela tenha um completo entendimento dos documentos que transitam no dia a dia do negócio. A partir desse controle, é realizado as escriturações contábeis, além das informações financeiras.

Nesse contexto podemos destacar a nota fiscal de entrada.

Você sabe o que é esse documento e qual a importância dele para o empreendimento? É comum que muitos gestores se atentem às notas fiscais de saída, que representam a prestação de serviço ou a venda de produto, não prestando a devida atenção na importância no documento de entrada.

Neste post, falaremos sobre a nota fiscal de entrada e tudo que você precisa saber para entendê-la de uma vez por todas. Confira!

O que é a nota fiscal de entrada?

Esse documento fiscal é a forma de comprovar legalmente a entrada de mercadorias na empresa. Nele estarão listados alguns itens fundamentais para a escrituração fiscal, tais como:

  • nome do fornecedor;
  • quantidade de itens;
  • preço;
  • dados da transportadora;
  • CFOP (Código Fiscal de Operação e de Prestação das Entradas de Mercadoria e Bens e da Aquisição de Serviços);
  • descrição dos impostos.

De forma geral, os documentos de entrada para uma empresa serão os de saída do fornecedor. Contudo, há situações específicas que a legislação permite que a empresa emita a sua nota de entrada. Veja quais são elas:

Devolução

Em casos que as mercadorias são devolvidas para o estabelecimento, é obrigatório a emissão da nota fiscal de entrada, pois só assim será possível dar entrada no estoque.

Transporte

Nesses casos ela servirá apenas para transporte, isso é, em situações em que a empresa destinatária fica responsável pela retirada e transporte dos itens.

Exposição

Ao retornar a mercadoria de exposições, em casos que o envio da mercadoria tenha sido unicamente para exposição ao público.

O processo de emissão da nota fiscal de entrada é muito similar as etapas para a emissão da nota de saída. É importante ficar atento as especificações dos impostos, em episódios que a nota será emitida contra um não contribuinte, as especificações de ICMS deverão estar em branco, podendo ser mencionada algumas particularidades nas informações adicionais.

Qual a importância da nota fiscal de entrada?

Como mencionado, a nota fiscal de entrada é muito semelhante aos outros modelos de notas fiscais, mas é imprescindível estar atendo a alguns critérios. No momento da emissão é fundamental conferir campos como: quantidade, preço e fornecedor.

Geralmente essa rotina é bem simples, pois com o uso da certificação digital é possível um acesso rápido ao emissor da nota.

Com a nota de entrada pronta é o momento de realizar o lançamento no sistema da empresa, em um primeiro momento pode parecer que esse documento não tem tanta importância em relação com as notas de saída, pois de forma direta ele não gera receita.

No entanto, a nota de entrada é essencial para o controle do estoque, pois por meio dela será mencionada a quantidade de mercadoria, quais os itens e quanto é o custo de cada produto, ou seja, informações essenciais para uma gestão eficiente dos negócios.

Para que o empreendedor trabalhe com números reais, é de suma importância que todos esses dados sejam lançados corretamente. Vale lembrar que em situações de devolução, quando a nota de entrada não é emitida, além de não constar no sistema a entrada da mercadoria, essa prática influencia diretamente no recolhimento dos impostos, uma vez que a devolução não é comprovada.

Como você pode ver, as rotinas operacionais de uma empresa são essenciais em todos os âmbitos, com isso, negligenciar algumas dessas etapas pode ser determinante no resultado. Gostou das informações? Para ficar em dia com nossos textos, assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *